banner-ocotidiano1080
banner-ocotidiano

Novidades

A LÍNGUA DA VELHA.

Ouvidos quietos dão origem a bocas pobres. Ouvir histórias movimenta a criatividade.

NINGUÉM QUIS VER.

Uma pitada de violência de gênero, de experiência de pobreza, privilégios e genealogia. Pouca, porque a realidade já contêm o suficiente e ninguém quis ver.

O ÓBVIO SEPULTADO ESTÁ.

Na selva de modismos, esquecemos o óbvio, mas no final o que vai restar é o fundamental, a nossa humanidade.

FRUTAS DA ESTAÇÃO … RODOVIÁRIA.

A ideia é a de uma vida mais saudável. Vou me alimentar de pensamentos.

O CHAP-CHAP NO ASSOALHO.

A imaginação vai criando expedientes para reviver as pessoas queridas que perdemos pelo caminho.

CORRE-CORRE.

As crianças querem brincar, nós adultos é que já não queremos nos incomodar com um tempo de qualidade para elas.

Nilson Giraldi

Queria mesmo era ser um cutucador, provocar cada um a pensar nas coisas simples do cotidiano, a fim de evitar a ambiguidade das ações, mesmo as mais simples. Mas acho que sou mesmo só um estudioso, um curioso que valoriza o que pode aprender com os outros. Um espírito que não consegue ficar quieto.

Contato